O jornalista, depois do fim

Se você, pessoa feliz e distraída, acha realmente que o fim do diploma vai contribuir para a liberdade de imprensa, veja só o tipo de anúncio de emprego que já começou a surgir depois da ação do nosso querido STF:

Veja bem: não é estágio, mas o salário é menor que o piso da profissão

Veja bem: não é estágio, mas o salário é menor que o piso da profissão

Eu que não ia ser louco de trabalhar com um chefe que ganhasse um salário destes...

Eu que não ia ser louco de trabalhar com um chefe que ganhasse um salário destes...

O pior de tudo é que no questionário para a segunda vaga há uma questão singela: “Como você espera se manter motivado?” Boa pergunta. Com um salário de merda desses, eu também gostaria de saber.

Anúncios

Tags: , , , ,

4 Respostas to “O jornalista, depois do fim”

  1. Evaldo Novelini Says:

    Fábio,

    chegamos ao fundo do poço. Anúncios como estes são reflexos diretos do nefasto comportamento de nossos supremos ministros, que, sob o pífio argumento de garantir a liberdade de expressão, acabaram mesmo é desregulamentando uma profissão toda. Temo não estarmos muito distantes do tempo em que flagraremos coleguinhas mendigando para garantir o sustento da família. Como a decisão antidiploma foi tomada por pessoas altamente esclarecidas, a quem sequer cabe o benefício da dúvida, difícil acreditar que desconheciam os efeitos de medida tão draconiana. A quem interessa criar uma situação dessas? Certamente não à sociedade, aquela mesma que as decisões do Supremo Tribunal Federal deveriam, em tese, proteger. Beijos altamente desolados,

  2. Amato Says:

    É o começo do fim, meus caros. Estamos fodidos.

  3. josue mendonca Says:

    cara, eu nao sei como certas empresas têm coragem de oferecer uma remuneração tão merdinha
    eu vivo cansado de receber em meu email proposta pra estágio pra receber uma merriquinha
    e ainda exigem tanto…

  4. Evaldo Novelini » Blog Archive » Profissão: perigo Says:

    […] postagem intitulada ”O jornalista, depois do fim”, que merece ser lida na íntegra aqui, Mendes apontou os primeiros reflexos da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que derrubou a […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: